sexta-feira, 22 de outubro de 2010

As 50 Maiores Mentiras da Humanidade

1 - Satisfação garantida ou seu dinheiro de volta.


2 - Não nos procure, nós o procuraremos.


3 - Pode deixar que eu te ligo.


4 - Puxa, como você emagreceu!


5 - Fique tranqüilo, vai dar tudo certo!


6 - Quinta-feira, sem falta, o seu carro vai estar pronto.


7 - Pague a minha parte que depois eu acerto contigo.


8 - Eu só bebo socialmente.


9 - Isso é para o seu próprio bem.


10 - Eu estava passando por aqui e resolvi subir.


11 - Estou te vendendo a preço de custo.


12 - Não vou contar pra ninguém.


13 - Não é pelo dinheiro, é uma questão de princípios.


14 - Somos apenas bons amigos.


15 - Que lindo é o seu bebê.


16 - Pode contar comigo!


17 - Você está cada vez mais jovem.


18 - Eu nem reparei que você usava peruca.


19 - Nunca broxei antes.


20 - Você foi a melhor transa que eu já tive.


21 - Não contém aditivos químicos.


22 - Estou sem troco, leve um chiclete.


23 - Obrigado pelo presente, era exatamente o que eu estava precisando.


24 - Não se preocupe, essa roupa não vai encolher.


25 - Não se preocupe, essa roupa vai lassear.


26 - Essa roupa é a sua cara.


27 - Eu não pude evitar.


28 - Tudo o que é meu, é seu.


29 - A inflação vai cair.


30 - Eu não sou candidato.


31 - Só vou por a cabecinha.


32 - O trabalho engrandece o homem!


33 - Isso nunca aconteceu comigo.


34 - Isto vai doer mais em mim do que em você


35 - Dinheiro não traz felicidade


36 - Você sempre foi a única


37 - Pode ir que vou depois


38 - Eu nem estava olhando


39 - Que bom que você já arrumou outra, estou feliz.


40 - A amizade é o que importa.


41 - Juro que não estava sabendo


42 - Não fui eu que contei


43 - Está perfeito!


44 - Esse carro nunca foi batido, só fica na garagem.


45 - Não folga que sou do jiu-jitsu


46 - Eu liguei, mas ninguém atendeu.


47 - Beleza e dinheiro não importam, e sim estar feliz.


48 - Ela era virgem quando a conheci.


49 - O Os Vigaristas é horrível.


50 - Essas mentiras acima, nunca falei.

Nenhum comentário:

Postar um comentário